TelComp Destaca
► 28/fev/2019  |  Redação

5G em faixa milimétrica trará pelo menos R$ 37 bilhões ao Brasil até 2024

O 5G terá papel relevante para a economia da América Latina e para o Brasil, revela estudo divulgado pela GSMA, durante o Mobile World Congress, que acontece essa semana em Barcelona. O levantamento aponta que o 5G traria uma receita de US$ 20,8 bilhões até 2024 com a utilização de frequências milimétricas (acima de 6 GHz).

Boa parte dos recursos seriam gerados nos setores de indústria (34%), seguido pelos setores financeiros e profissionais (28%), governos, segurança, educação e saúde (19%), TICs e serviços (14%) e mineração e agricultura (5%). O Brasil ficaria com quase metade deste montante – 10,4 bilhões de doláres, ou 47%.

O levantamento da GSMA advertiu, porém, que o custo de espectro na América Latina é três vezes maior que o cobrado nos países desenvolvidos e esse valor alto poderá vir a ser um entrave para a entrada da tecnologia na região. O México deverá ser o primeiro país a ter o 5G, seguido pelo Brasil.

Confira a matéria completa no Convergência Digital.



João Moura, da TelComp, fala sobre competição nas telecomunicações

João Moura falou sobre o aumento da competição no mercado brasileiro de telecomunicações, em entrevista a Renato Cruz, editor do inova.jor.

TelComp - Associação Brasileira das Prestadoras de Serviços de Telecomunicações Competitivas
Av. Iraí, 438 - cj 44 a 47 | Moema | São Paulo | SP | CEP 04082-001 | Tel +55 (11) 5533-8399