Newsletter Telcomp RSS Telcomp LinkedIn Telcomp Twitter TelComp Facebook TelComp

Você está em: Home » Notícias do setor » Blue compra duas operadoras em MG

 

Valor Econômico - Vinícius Pinheiro - 07/12/12

Capitalizada depois de receber um aporte de R$ 100 milhões liderado pela gestora inglesa 3i, a provedora de serviços de TV a cabo e banda larga Blue Interactive acelerou sua estratégia de expansão. A empresa fechou a compra de duas operadoras que atuam em oito cidades no Estado de Minas Gerais: a Minas Cabo e a Brasil Telecomunicações – nenhuma relação com a operadora de telefonia que hoje faz parte da Oi.

Com a aquisição, a Blue passa a atender 27 municípios em dez Estados, com uma base de 135 mil assinantes. O negócio, cujo valor não foi revelado, aguarda autorização da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

As operadoras compradas pela Blue possuem rede nos municípios de Uberaba, Ituiutaba, Ipatinga, Contagem, Araxá, Conselheiro Lafaiete, Sete Lagoas e Ribeirão das Neves. Juntas, as cidades mineiras reúnem uma população de 2 milhões de habitantes.

A companhia já está em negociações para a compra de redes de operadoras que atuam em outros cinco municípios, de acordo com Marcelo di Lorenzo, principal executivo da 3i no Brasil. Uma das metas da empresa é atuar em pelo menos 30 cidades até o fim de 2013.

A Blue tem como estratégia operar fora dos principais centros, em locais em crescimento e onde a oferta de serviços de TV a cabo e banda larga é mais limitada. “O projeto vai na linha do objetivo do governo de ampliar o acesso à internet de alta velocidade no país”, disse Lorenzo. Em cinco anos, a empresa pretende expandir a rede para uma abrangência de 2 milhões de residências.

Além dos recursos da 3i, a recente mudança na legislação do setor de telecomunicações deu fôlego ao projeto de expansão da companhia. Antes das novas regras, as operadoras precisavam de uma concessão pública para prestar serviços de TV a cabo em um determinado município. Agora, é necessário apenas uma autorização da Anatel.

A Blue foi criada por executivos que foram pioneiros na internet no país, entre eles Marcelo Lacerda e Sergio Pretto, do provedor NutecNet, que deu origem ao portal Terra. A companhia deu seu primeiro salto em 2010, com a aquisição da operadora Viacabo. A empresa pertencia à americana Adelphia, que pediu falência nos Estados Unidos.

A entrada dos novos sócios, que passaram a deter uma participação minoritária relevante na operadora, ocorreu no fim do ano passado. O investimento na Blue foi o primeiro da 3i no Brasil. Pioneira no negócio de compra de participações em empresas (private equity) no mundo, a gestora tem foco em companhias de médio porte e adota a prática de trazer executivos com experiência internacional para as empresas investidas.

Para a presidência do conselho da Blue, a 3i indicou Richard Alden, que comandou a ONO, uma das principais empresas de TV a cabo na Espanha. Alden participou como coinvestidor no aporte de capital na Blue, assim como a gestora americana Siguler Guff, que também instalou um escritório no país no ano passado.

Notícia publicada no Valor Econômico




TelComp - Associação Brasileira das Prestadoras de Serviços de Telecomunicações Competitivas
Av. Iraí, 438 - cj 44 a 47 | Moema | São Paulo | SP | CEP 04082-001 | Tel +55 (11) 5533-8399

Nome do Usuário :
Senha:
 Lembrar      Esqueci minha senha